"Xoxo" e a vibe do festival

20:24


Do Netflix vêm séries famosas. Quem não assiste Jessica Jones, assiste Narcos, ou Orange is the New Black. Mas de lá também vêm filmes. Xoxo gira em torno de um festival de mesmo nome. Roupas extravagantes, mais de um palco espalhados por um território imenso e aberto, tinta neon e drogas, em maior quantidade quando se trata de música eletrônica. 

Por um destino maravilhoso, os personagens se encontram no momento perfeito e, no final, tudo da certo. Essa felicidade em finais de filmes muitas vezes irritam. Mas num festival, mesmo que tudo dê errado, ainda vai sair uma experiência de se levar na bagagem. Por mais ficção que seja, quem ama esse evento, se identifica. 

É uma multidão, mas não é balada ou shopping num feriado, são um aglomerado de pessoas animadas para assistirem a alguém admirado. Ou só estão ali porque gostam de festivais. Melhor jeito de descobrir artistas com potencial para entrar na playlist de todo dia. Além de pessoas com interesses em comum que podem virar amigos, ou mais.

É nesse momento que a ansiedade bate para o próximo Lollapalooza. 

Você também poderá gostar

0 comentários