Um daqueles

13:17


Ele terminou. O filme não ganhou sequencia. Ele é um idiota. A série foi cancelada. Ele merece ter cólica menstrual. Você não passou no concurso que queria. Qualquer acontecimento pode fazer do seu dia menos feliz. Aí chega o momento em que você pensa em alternativas. A primeira é dormir. Várias cobertas no meu caso. Comer o resto da comida gorda que tem no armário também passa pela sua cabeça, mas não é muita, considerando que pode estar no final do mês.

Você acha uma espinha ali e uma estria aqui. A água quente acaba. A internet trava. Você para. Desiste de tentar algo, porque parece que está fadada a acabar com a privada entupida e um arroz queimado. Previna-se, escolha fazer o que há menos chances de mais uma decepção. Miojo às vezes é bom. Aquele filme bobo da Disney pode parecer a escolha perfeita. O livro que você desistiu de começar pode te transportar da zona de desastres. 

Pretty Little Liars me ensinou, num daqueles dias, que não é porque ele começa mal é que deve terminar da mesma forma. Vinte e quatro horas é bastante para desistir assim. No mínimo, aquele episódio novo vai te dar o gás que precisa.

Você também poderá gostar

0 comentários